A transformação digital da gestão pública nas cidades de SC

Eliminar o uso do papel, gerar economia, levar celeridade e diminuir a lentidão dos processos. Esses são os principais objetivos da 1Doc, uma das maiores govtechs do Brasil, que, através de uma plataforma SaaS de atendimento, comunicação e gestão documental, a empresa leva serviços mais eficientes e transparentes para entidades de todos os portes, em […]






Eliminar o uso do papel, gerar economia, levar celeridade e diminuir a lentidão dos processos.

Esses são os principais objetivos da 1Doc, uma das maiores govtechs do Brasil, que, através de uma plataforma SaaS de atendimento, comunicação e gestão documental, a empresa leva serviços mais eficientes e transparentes para entidades de todos os portes, em todo Brasil, está presente em centenas de prefeituras e beneficia dezenas de milhões de pessoas. 



A dimensão de eficiência, ou seja, o melhor uso dos recursos públicos também desponta como um elemento estratégico: segundo dados da Secretaria de Governo Digital, entre os 3.549 serviços prestados pela União, 55% já são online e a transformação digital também representa uma economia anual de R$ 2,3 bilhões aos cofres públicos.

 

Desde 2014, a empresa de Florianópolis está revolucionando a forma com que as cidades atendem as demandas da população. Em Balneário Camboriú, mais de 500 mil problemas de pessoas foram resolvidos de forma online. No último ano foram enviadas mais de 750 mil notificações automáticas aos cidadãos e mais de 100 mil assinaturas digitais realizadas. Além disso, R$ 850 mil foram poupados com impressões de papel. Já em Tubarão, em apenas 3 anos de uso da plataforma, a prefeitura da cidade realizou mais de 2 milhões de atendimentos digitais.

 

Em Brusque, o principal objetivo foi economizar cerca de R$ 150 mil por ano com a implementação do “Governo sem Papel”, iniciativa que visa excluir ao máximo a utilização de papel na comunicação diária do Executivo. Chapecó em pouco mais de dois anos de implantação da plataforma, mais de 156 mil pessoas únicas atendidas on-line, foi unificado mais de 3 milhões de processos na plataforma com o objetivo de criar um cadastro único municipal.

 

Também em Palhoça, a comunicação interna foi melhorada significativamente com o uso da plataforma, inclusive reconhecida em um programa da ONU. Depois que a 1Doc passou a fazer parte da rotina da gestão pública da cidade houve: simplificação do fluxo de demandas, garantindo mais agilidade na tomada de decisão, redução de tempo nos processos e nos ruídos de comunicação interna, maior taxa de engajamento dos servidores, redução significativa de papéis e, consequente, economia de insumos.



A
emergência social e o enfrentamento do coronavírus foram relevantes catalisadores da pauta da 1Doc, observamos o movimento dos gestores públicos de todo o país que passaram a considerar as oportunidades e avanços trazidos para a oferta de políticas públicas através da tecnologia. A pandemia exige distanciamento social com objetivo de amenizar o risco de contágio entre as pessoas, fortalecendo os negócios que atuam online. Para se ter ideia, entre março do ano passado e o deste ano, a 1Doc atendeu mais de 1 milhão de pessoas, além de gerar mais de 2,8 milhões de assinaturas digitais e somar mais de 14 milhões de atendimentos on-line. 

 

Quer saber mais? Acesse o site da 1Doc e confira as soluções oferecidas. 

 

Foto: Cristiano Estrela/ Arquivo SECOM SC

« Ver todas as postagens


Os comentários estão desativados.





Materiais ricos
Baixe gratuitamente





VER TODOS OS MATERIAIS »